Notícias : Depois de ter perdido o seu peito devido a um cancro da mama, ela “reconquistou” o seu corpo com uma tatuagem linda nos seios.

Depois de ter perdido o seu peito devido a um cancro da mama, ela “reconquistou” o seu corpo com uma tatuagem linda nos seios.

Ela reencontra a “posse” do corpo dela ..

Publicado por Vamos lá Portugal em Notícias
Partilhar no Facebook
322 322 Partilhas

Depois de ter perdido o seu peito devido a um cancro da mama, ela “reconquistou” o seu corpo com uma tatuagem linda nos seios.

Alysson Lynch é uma jovem de 30 anos que descobriu que já tinha um cancro a desenvolver-se dentro de si há 4 anos. Ela tomou uma decisão surpreendente para continuar linda (aos seus próprios olhos), apesar da doença e da quimioterapia.

Com apenas 26 anos, foi-lhe diagnosticado um cancro da mama. Ela auto examinou-se e descobriu um caroço no peito.

Os médicos confirmaram-lhe a má notícia. 

“Foi uma notícia muito dura, chorava a toda a hora. Estava sempre a pensar “mas porquê eu?”, disse Alysson.

Depois do diagnóstico, Alysson foi submetida a uma mastectomia bilateral para lhe retirar o peito. Foi submetida também a 16 tratamentos de quimioterapia ao longo de 20 semanas. 

A jovem teve também que decidir se queria ou não congelar os seus óvulos, caso se tornasse estéril após o tratamento. Ela acabou por decidir não o fazer, devido ao elevado custo do procedimento.

Alysson sofreu bastante com os efeitos secundários da quimioterapia, como febre, perda de unhas, e dores permanentes por todo o corpo. 

“Estava constantemente com náuseas, todo o meu corpo doía e nenhum alimento ficava muito deito na barriga”, disse ela.

Quanto à perda de cabelo, Alysson decidiu rapá-lo ela mesma antes de uma festa.

Em dezembro de 2015, a jovem submeteu-se a uma reconstrução cirúrgica do seu peito. Depois disso, decidiu fazer uma tatuagem na mesma área. 

 “Disse ao meu tatuador para esconder as cicatrizes da mastectomia. Desta forma, recuperei o controlo do meu corpo”, explicou Alysson.

Desta forma, ela mostrou também que é possível ter vencido um cancro e continuar feminina e sexy. 

“Tenho a sensação de ser eu novamente. É como ter lingerie vestida permanentemente”, concluiu ela.

Hoje em dia, esta difícil experiência já faz parte do passado para Alysson, mas a sua coragem e determinação serviram para inspirar e como exemplo, a numerosas pessoas por todo o mundo. 

____

O que achou deste artigo? Partilhe o seu ponto de vista nos comentários, e partilhe com os seus amigos e familiares nas redes sociais…

Se estiver interessado nas últimas noticias sobre a atualidade, sobre famosos, comédia, animais, lifestyle ou sobre noticias viriais, siga-nos na nossa página no facebook Vamos lá Portugal.

Não hesite em deixar a sua opinião sobre a publicação. 

Partilhar no Facebook
322 322 Partilhas

Fonte: ayoyemonde · Crédito foto: ayoyemonde

Goste/partilhe