Notícias : Um violador usa o telemóvel da vítima de 17 anos para publicar vídeos da violação

Um violador usa o telemóvel da vítima de 17 anos para publicar vídeos da violação

A sentença de prisão que ele recebeu foi uma piada.

Publicado por Vamos lá Portugal em Notícias
Partilhar no Facebook
149 149 Partilhas

Um violador usa o telemóvel da vítima de 17 anos para publicar vídeos da violação

Um homem de Calgary entrou furtivamente no quarto de uma jovem de 17 para viola-la várias vezes e até chegou a usar o telemóvel dela para publicar fotos da agressão.

A vítima estava presente no tribunal na terça-feira quando o juiz sentenciou Drayton Dwayne Preston a 26 meses de prisão.

Há alguns meses, o suspeito decidiu declarar-se culpado das acusações que enfrentava.

O crime deu-se a 29 de julho de 2016.

Preston foi a uma festa onde a sua namorada, a vítima e o namorado da vítima estavam.

Durante a noite, Preston decidiu entrar pela janela do quarto da vítima e agredi-la sexualmente.

A vítima teria acordado durante a agressão, mas o álcool terá feito com que ela voltasse a adormecer.

Uma hora depois, a vítima voltou a acordar e o agressor voltou a viola-la, pela segunda vez.

Assustada, a vítima não disse nada enquanto esperava que Preston acabasse de a atacar, mas certamente teria agido de outra forma se soubesse que o agressor pretendia viola-la não só mais uma vez, mas sim duas.

A vítima saiu do quarto em lágrimas, contanto a um amigo o que é que tinha acabado de acontecer, isto ao mesmo tempo em que Preston foi embora.

Poucas horas depois, a vítima soube que para além dos ataques horríveis que tinha sofrido, Preston tinha publicado fotos da agressão. Ela ficou a saber quando a namorada de Preston a confrontou pessoalmente.

Preston usou o telemóvel da vítima para tirar fotos e filmar a agressão e, em seguida, publicou-as na sua conta de Facebook.

Num vídeo, podemos ver Preston a atacar a vítima enquanto o namorado dela dorme profundamente ao seu lado.

Para além da sentença de 26 meses, Preston será adicionado à lista de agressores sexuais durante os próximos 20 anos.

Para a defesa, a sentença é considerada insuficiente, sabendo que a vítima terá de fazer terapia durante vários anos para ultrapassar o trauma.

____

O que achou deste artigo? Partilhe o seu ponto de vista nos comentários, e partilhe com os seus amigos e familiares nas redes sociais…

Se estiver interessado nas últimas noticias sobre a atualidade, sobre famosos, comédia, animais, lifestyle ou sobre noticias viriais, siga-nos na nossa página no facebook Vamos lá Portugal.

Não hesite em deixar a sua opinião sobre a publicação. 

Partilhar no Facebook
149 149 Partilhas

Fonte: ayoyeglobal · Crédito foto: ayoyeglobal

Goste/partilhe